sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

MENSAGEM Bandidos deixam carta de ameaça ao governador em ataque a ônibus em Fortaleza


Carta foi deixada com o motorista de um dos ônibus atacados (FOTO: Reprodução Whatsapp Tribuna do Ceará)
A onda de violência no Ceará fez com que novos atentados contra policiais e ônibus, além de fugas, fossem registrados neste fim de semana. Somente na noite deste domingo (17), bandidos atearam fogo em cinco coletivos em Fortaleza e na Região Metropolitana.
Além dos atos criminosos, uma coisa a mais chamou atenção. Em uma das tentativas de de incêndio a um ônibus, criminosos deixaram junto ao motorista uma carta ao governador Camilo Santana (PT).
No papel, os criminosos avisam que caso policiais não parem de oprimir os detentos dos presídios do Estado, o Ceará se tornará um verdadeiro caos.
“Salve geral seu governador de m***. Se você não parar com a opressão dentro do sistema penitenciário, onde se encontram vários irmãos e companheiros nossos sendo espancados e mortos pela polícia, vamos transformar o Ceará no caos e não vai ter mais paz”, disse um trecho da carta, que é assinada pelo ‘Crime do Estado do Ceará’.
Tribuna do Ceará entrou em contato com a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), mas até a publicação desta matéria não obteve retorno.

Nenhum comentário:

Postar um comentário